domingo, 20 de maio de 2018

Zagor Especial em Cores 03

A Editora Mythos colocou em pré venda o novo volume do Zagor Especial em Cores 03.


O Espírito com a Machadinha enfrenta, no entanto, um problema ainda mais sério. O comerciante de armas Black Jordan quer derrubar Machado Amarelo, o chefe dos Naskapi, para lhe fornecer rifles. Assim, ele o faz acreditar que os soldados violaram o tratado de paz. O sakem, no entanto, quer falar com o coronel Clark. Zagor está empenhado em trazer o oficial dos Naskapi, mas a viagem é repleta de perigos ... O Espírito com a Machadinha deve atuar como escolta para o transporte de uma grande soma de dinheiro. Mas o comboio é vítima de uma emboscada: os soldados que acompanharam Zagor são mortos e nosso herói é gravemente ferido, socorrido por Tawar, um feiticeiro que deixou sua tribo, Zagor é acusado de roubar o dinheiro e condenado a trabalhos forçados para a vida toda! 


Se a edição manter a mesma estrutura da Zagor Storica Colori 10 - Giustizia! trará a história publicada na revista italiana Zagor 19 - Territorio Indiano, com histórias de um Zagor mais intenso e vigoroso.
E nem mesmo o Chico escapava de umas balançadas mais forte, quando aprontava das suas.
Zagor italiano 20 L'inferno dei Vivi, que no Brasil foi publicado com outra capa na edição 14  da editora Vecchi, quando vemos a ida de Zagor à Hellgate.

Prisão onde o Senhor de Darkwood pena em trabalhos forçados, e na tentativa de fugir.
 A capa italiana da coleção colorida que dá origem a versão nacional também em cores.
Lembrando que apesar destas histórias já terem sido publicadas no Brasil pela editora Vecchi nas edições 14 e no número 18, a capa 'oficial' deste volume é publicado pela primeira vez em solo brasileiro.

E como se observa, as edições nacionais, não primam pela cronologia de forma que temos o Zagor na prisão no número 14 da editora Vecchi e só posteriormente, no número 18 a aventura do Território Indígena.

Apesar deste salto cronológico das edições da Vecchi, a leitura não é prejudicada pois não existe interligação entre as duas histórias.

Edições italianas e textos em itálicos estão com fontes lincadas na postagem.

Organização da Feira e Exposição - Brasil Fumetti Con Parelheiros 2017

Estante de HQs (Fumetti) do trapper Wilson, com destaque para os Zagors formatinhos (Vecchi, RGE/Globo, Mythos) em todo o nicho superior, bem como, os Zagors da Record e as Edições Italianas
Em dezembro de 2017, o ex-presidente do Fã Clube Tex e Zagor Brasil esteve em São Paulo/SP para o X Encontro do Fã Clube - Brasil Fumetti Con 2017 na 1ª Expo Parelheiros,  haja vista, do cancelamento da FIQ 2017, nesta ocasião organizamos, uma exposição/feira de troca de Fumetti, e claro, Zagor não poderia faltar!!
Estas edições foram para exposição e tiveram como foco, as várias edições de Fumetti no Brasil e alguns mundiais.
Muitos livros sobre autores de Fumetti e  personagens, desta forma, possibilitando aos participantes acesso à muita informação.
E como não há distinção entre Fumetti mundo afora, publicações francesas, italianas, espanholas, alemãs e claro, muitos mangás, incluso em japonês, fazem parte deste material para exposição.
Mais fumetti para exposição, e claro, Zagor Extras do Zagor pelo Brasil, para mostrar a saga que balançou o país.
Material para FEIRA de TROCA, contendo d'As aventuras de Chico, Tex, Marvel, DC, Mangás, Turma da Mônica, Disney, Image e o que mais houver.
E fechamos esta exposição levando itens exclusivos, e materiais autografados por autores da Casa dos Sonhos de Papel: Sergio Bonelli Editore, além de posteres e afins.

sábado, 19 de maio de 2018

Zagor Especial 60 - O Senhor Negro

Como acompanharam aqui no Zagor Brasil e demais mídias coletivas do Senhor de Darkwood, estivemos desde o anúncio da edição ZENITH 666 empenhados para que este volume viesse em cores, e na própria revista ZAGOR, tal qual a edição italiana.


Entretanto, devido a edição Zenith 666 remeter àlgumas histórias até então inéditas no Brasil: Zagor 192 ao início do Zagor 196.

É na edição Zagor 194 italiana onde se inicia a saga pela Terra de Golnor, e como dito na chamada desta edição:
"Um misterioso livro recebido por Pierre, um amigo caçador canadense de Zagor. Um anão maligno e monstruoso que rouba o livro. Uma terra desconhecida, ao norte dos Grandes Lagos, proibida ao homem: a terra de Golnor! Lá, Zagor enfrentará um adversário muito difícil ..."


Prosseguindo a história, no final desta edição 194, temos o início da história do "O Senhor Negro" com o enfoque da Terra de Golnor.
E como dito no volume italiano 195 de Zagor:

Golnor é uma dimensão paralela onde Bem (Representado por Galad, o último dos Riols) e o Mal, encarnado pelo Lord Black (Senhor Negro) e por sua assistente, Mord, se encontram. Se o Lorde Negro conseguiu ganhar a posse do Livro do Tempo, ele voltará a ser o governante indiscutível de Golnor!

Desta forma chegamos à edição italiana Zagor 196, que tinha parte deste volume ainda inédito no Brasil, e que a partir da página 59 contém a aventura que saiu no Zagor Record 29 (Thunderman).


Zagor, Chico, Galad e o simpático gnomo Panko reavivaram o bom mago. Portanto, Mord incita os Guerreiros do Mal contra eles, um exército de esqueletos monstruosos que até conseguem matar Zagor! 
Desta forma, devido a falta de planejamento da Editora Mythos, que poderia ter editado um Zagor Especial com estas histórias inéditas, em tempo hábil, desde o anuncio e o lançamento Zenith 666 em outubro de 2016, não pudemos ler a mesma em cores, que entrou no volume do Zagor Especial 60 em preto e branco, e lançada em abril de 2018, ou seja, com mais de 1 ano e meio de seu lançamento.

Lembrando que a Editora Mythos, ainda poderia ter se planejado para que este volume saísse completamente em cores, haja vista, que estas histórias inéditas já foram republicadas coloridas na Itália.
Fontes de imagens e textos em itálicos nos respectivos linques nesta postagem!



sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Origem e Base dos Caçadores de Homens



A Premissa básica deste segundo volume em cores, é o papel desempenhado por Zagor evitando um confronte entre os índios Munsee e os Trappers (caçadores) da Floresta de Darkwood, desta forma, buscando identificar  e punir os "forasteiros" que sequestraram quatro jovens índios da aldeia, relato que ocorre durante a PRIMEIRA REUNIÃO  ANUAL DE TRAPPERS fazendo Zagor ir até a aldeia falar com Raposa Branca.


Esta história foi publicada no Brasil pela Editora Vecchi ainda nos anos 1970, especificamente  no Zagor Vecchi # 04, conforme imagem acima. E este volume abarcava os volumes italianos:


Zagor Italiano número 29 e 30, publicados no país da bota, no final da década de 1960, trazia esta ideia desenvolvida pelo Guido Nollita (Sergio Bonelli), que usa elementos do filme ."The Most Dangerous Game" ("O jogo mais perigoso" ) de 1932 baseado na história curta de Richard Conell de 1924.

No filme dirigido por Ernest B. Schoedsack  Irving Pichel, em que um nobre que mora em um castelo localizado numa ilha desértica transforma os sobreviventes de um naufrágio em presas humanas para uma caçada. 

Guido Nollita (Sergio Bonelli)  faz uma perfeita adaptação desta ideia ao universo Zagor, inclusive se pensando na questão da ilha e toda a tensão nas páginas dedicadas à luta entre caçadores e presas, e mesmo do Espírito com a Machadinha e outros predadores não humanos, no melhor estilo Tarzan por sinal.

A história desenvolvida pelo Guido Nollita também aborda um fato ocorrido nos Estados Unidos da América em Outubro de 1808. John Colter e John Potts partiram numa caçada, e nesta foram atacados por  índios Blackfoot (Pés Pretos), Potts foi morto e a Colter foi dada uma oportunidade de vida – despido e sem armas, foi-lhe dado um ligeiro avanço numa corrida.
.
Colter conseguiu ir  adiante, e lutando com um índio o matou, continuando a sua fuga, enfrentando muita adversidades no percurso, por conta da natureza local, porém conseguiu chegar a um Forte, onde recebeu ajuda e abrigo, nestas imagens vemos a versão do Filme "The Naked Prey" de Cornell Wilde, porém ambientado no continente africano.
Para fecharmos esta postagem é importante lembrar que o Burattini realizou na edição 597 de Zagor, uma história que faz uma 'homenagem' a esta história clássica: O Zoo de Kaufman, publicada pela Mythos no Zagor 167, no qual o Espírito com a Machadinha se vê a volta com a situação de ser 'uma presa humana' e ter de encarar mil perigos, e certamente ser o 'Rei da Floresta' vencendo um leão por vez!

 





quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Zagor Especial em Cores 02

A Mythos divulga a nova edição colorida de Zagor.

 
O CAÇADOR DE HOMENS / UM DIA AZARADO

Lorde Alex Nicholson é um caçador infalível, acostumado a desafiar todo tipo de presa em busca de emoções cada vez mais fortes. Cansado de enfrentar somente feras, encarrega seus homens de raptarem guerreiros índios para poder caçá-los na sua ilha. Mas a última presa humana é realmente especial: Zagor, o Espírito da Machadinha!
Em outra aventura, nossos heróis descobrem que o ladrão menestrel Guitar Jim voltou a agir na região de Darkwood e decidem sair à procura do simpático ladrão cantor.
Formato 13,5 x 17,6 cm - 228 pags - cor - R$ 34,90

Fonte Capa e Sinopse: https://www.mythoseditora.com.br

sexta-feira, 12 de janeiro de 2018

Campanha #ZAGOR666emCores

A equipe Zagor Brasil, iniciou a campanha #ZAGOR666emCores pelas redes sociais, em pedido pela publicação da revista ZAGOR Mythos com esta aventura que foi pulada nas edições regulares, e que deveria ir às bancas, neste volume de número 176.


Pedimos à compradores, leitores, fãs e trappers em geral, aquele apoio à campanha e entrando em contato com a Mythos Editora, pedindo a publicação do Zagor Zenith 666 (Zagor Italiano 615) em Cores.

Por DARKWOOD, Trappers!

quinta-feira, 11 de janeiro de 2018

Zagor Mythos 176 outro salto na cronologia italiana

Como indagado na postagem anterior, sobre o Zagor 176 da Mythos Editora, que deveria trazer a edição em cores do original italiano Zenith 666 (Zagor italiano 615), vemos que não se concretizou o desejo pelo Zagor 176 em cores como era esperado, e ficará para um Especial em cores, a depender dos custos gráficos, segundo resposta do Editor da Mythos Editora Dorival Lopes dada à fã em rede social.


A  Mythos traz neste volume de janeiro de 2018, a revista com histórias subsequentes à publicação italiana Zagor 616 e 617, com a volta daquele que faz o Chico treme ante os dentes salientes: Barão Rakosi.


Mas a Bela Vampira Ylenia Varga sempre está com os dentes à mostra!







Zagor 176 - VAMPIROS! / À PROCURA DE RAKOSI


Texto: Rauch   *   Desenhos: Della Monica
Em um vilarejo nos Montes Superstição, uma doença estranha e fatal se espalha entre os moradores. Os únicos sintomas do contágio são anemia e dois pequenos furos no pescoço das vítimas. Na mesma região, em tempos passados, havia desaparecido o barão vampiro Bela Rakosi, mas será que ele voltou à cena? É ele o responsável pelas estranhas mortes? Zagor, Chico e o doutor Metrevelic começam a investigar. Mas outros personagens também se movem naquelas paragens. A condessa vampira Ylenia Varga, Ferguson, um caçador de vampiros, e um misterioso não morto, com a sua armada de servos, todos com o mesmo objetivo: localizar o barão Rakosi!

Fontes:
Sinopse e Edição Brasileira:

https://www.mythoseditora.com.br

Edições Italianas  Zagor 616 e 617
http://en.shop.sergiobonelli.it/zagor/2016/11/02/albo-en/in-cerca-di-rakosi-1000185/
http://en.shop.sergiobonelli.it/albo-en/sezione-privata/41257/vampiri.html

Nós, ZAGOR BRASIL, nos mobilizaremos para que a ZAGOR ZENITH 666 seja lançada em CORES e como sempre, contamos com TRAPPERS sempre à postos pelo REI DE DARKWOOD!!